GPS Map connecting two locations

O que são bloqueadores de GPS e como combatê-los?

Publicado em 19 de Outubro de 2020 em Data e Analytics por Geotab Team |  4 minutos de leitura


Saiba mais sobre bloqueadores GPS, como eles funcionam e o que a Geotab faz para detectar ameaças.

Atualmente, está cada vez mais comum conviver com nossos movimentos sendo rastreados online e no mundo real. Especialmente para as empresas, existe uma longa lista de benefícios do rastreamento por GPS. Muitas pessoas estão dispostas a compartilhar a sua localização por bons motivos, mas outras não estão.

O que é um bloqueador de GPS? 

Um bloqueador de GPS é um dispositivo transmissor, normalmente pequeno, autônomo, utilizado para ocultar a sua localização através do envio de sinais de rádio com a mesma frequência que um dispositivo GPS. Quando isto ocorre, o dispositivo GPS é incapaz de determinar sua posição devido a essas interferências. 

 

Com pouco gasto de energia e um tempo de inicialização bem rápido, os bloqueadores podem ser utilizados apenas quando necessário. Embora sejam ilegais, vários tipos de bloqueadores de GPS baratos estão disponíveis para compra online, tais como escudos físicos, bloqueadores via Wi-Fi/Bluetooth,por controle remoto, por câmeras espiãs e  por drones, só para citar alguns. 

Como funciona um bloqueador de GPS:

  1. O usuário liga o bloqueador à tomada auxiliar do automóvel.
  2. A unidade é colocada perto do rastreador GPS instalado. 
  3. Quando ativo, o bloqueador GPS gera um sinal de interferência num raio de 5 a 10 metros para interromper a recepção do sinal do satélite GPS. 

Para entender como funciona um bloqueador, também é importante saber como funciona o sistema de posicionamento global (GPS)

 

Um rastreador GPS recebe sinais de micro-ondas de um conjunto de transmissores de satélite na órbita da Terra. Uma vez que o rastreador recebe sinais de quatro ou mais satélites, ele determina sua posição através de uma série de cálculos de tempo e trilateração. O receptor conta com esses sinais de satélite precisos e específicos para determinar sua localização no mundo. O dispositivo de rastreamento GPS transmite então essa informação de posição e velocidade para um local de monitoramento, geralmente enviado através da rede celular. 

 

Em alguns casos, o mau funcionamento do satélite ou alguns raios solares podem interromper temporariamente a transmissão de sinais GPS. Um bloqueador de GPS é diferente, ele envia sinais de rádio ou ruído de sinal com a mesma frequência que o dispositivo GPS para anular ou distorcer os sinais dos satélites GPS. Quando isso ocorre, o dispositivo GPS não pode mais calcular sua posição porque o sinal do satélite é mascarado pela interferência. 

Sinais de transmissão por satélite GPS.

Quem usa bloqueadores de GPS?

As razões para o uso de bloqueadores são variadas. Originalmente criados pelo governo, os bloqueadores de GPS foram concebidos para uso militar. Para o sucesso em uma missão, manter em sigilo a localização de um veículo é fundamental. Os dispositivos funcionam como um manto, dando privacidade militar, maior segurança e uma vantagem geral em situações de alto risco.

 

Entre os civis, alguns condutores em excesso de velocidade podem usar dispositivos de interferência para tentar evitar a detecção pela polícia e as multas. Os criminosos usam bloqueadores de GPS como cobertura para roubos de veículos ou para evitar cobranças de pedágio ou taxas de quilometragem. Em empresas de logística, o bloqueio do GPS pode ser usado por um motorista para evitar que o empregador saiba para onde ele vai com o veículo da empresa.

Os bloqueadores de GPS são legais?

O bloqueio de GPS é ilegal em muitos países, como nos EUA, no Canadá e também no Reino Unido. Nos EUA, a lei federal Communications Act de 1934 proibiu a comercialização, venda ou uso de bloqueadores de GPS. No Canadá, a Radiocommunication Act também proíbe a importação, fabricação, distribuição, venda, posse e uso de dispositivos de interferência de GPS.

 

Existem penalidades duras para o uso de bloqueadores, por exemplo: 

  • Multas de até US $100.000 ou mais nos Estados Unidos. 
  • Prisão
  • Apreensão do equipamento

Como os bloqueadores de GPS afetam a indústria dos transportes?

Para a aplicação da lei e para a indústria dos transportes, os bloqueadores de GPS são um incômodo e um motivo de preocupação. O bloqueio interfere no rastreamento de veículos por GPS, também conhecido como rastreamento de frota ou telemática, que é uma fonte de dados comerciais fundamental para muitas empresas. As frotas utilizam a telemática para rastrear e gerenciar o uso de combustível, ociosidade, comportamento de direção, integridade do motor e outras atividades. 

 

Não só os bloqueadores são ilegais, como também a sua utilização pode ser perigosa. Um caminhoneiro de Nova Jersey  foi multado em quase US $32.000 pela Comissão Federal de Comunicações (FCC) quando seu dispositivo de bloqueio de GPS interrompeu informações de controle de tráfego aéreo no Aeroporto Internacional Newark Liberty. O motorista tinha usado o bloqueador no caminhão para esconder do empregador a sua localização. Um investigador da FCC localizou o bloqueador usando equipamento de monitoramento de rádio e provou que ele era a causa da interferência. 

Como usar o Geotab para detecção de bloqueio de GPS

As frotas podem usar a solução Geotab para minimizar os efeitos negativos e evitar que os condutores burlem radares. Quando um sinal GPS não é recebido, o mapa Histórico de Viagens mostra que há uma viagem em falta ou interrompida, chamando atenção para o problema. 

 

Se o bloqueio de GPS ocorrer no meio de uma viagem, será exibida uma linha reta desde o início do bloqueio até o ponto em que o dispositivo bloqueador foi desligado. Qualquer pessoa que monitore o veículo verá esse padrão rapidamente e poderá investigar a causa dessa ausência de informação. Pode haver outras razões para a perda de dados GPS além do bloqueio, como, por exemplo, mau funcionamento de um rádio.

Uma linha reta no MyGeotab indica uma interrupção do GPS.

 

O módulo GPS nas unidades mais recentes do Geotab GO tem uma função de detecção de bloqueio que ativa o dispositivo para comunicar um registo de depuração. Os gestores de frotas podem ver essa informação nos detalhes do registo MyGeotab como: "GpsJammingDetected".

Configurar alertas para interferência de GPS

Os usuários do Geotab podem automatizar a detecção criando um relatório de Dados de log e colisões no MyGeotab e definindo-o para ser enviado apenas quando for detectado pelo menos um evento. Quando ocorre uma interferência de GPS, o relatório é enviado por e-mail como um alerta, solicitando mais investigações.

 

É importante notar que mesmo quando um bloqueador de GPS interrompe a funcionalidade do receptor GPS, outras funções não são afetadas. Apesar de perder a conexão com o GPS o dispositivo Geotab GO continuará a coletar e a enviar dados importantes relacionados ao veículo, como dados do motor, códigos de erro e auxiliares.

 

A Geotab dedica-se a manter um sistema robusto e estável e continuará a tornar os dispositivos GO cada vez mais à prova de adulterações. Para saber mais sobre as políticas de segurança da Geotab, visite o Geotab Security Center.

 

Próximo artigo: Desmascarando os 10 principais mitos sobre o rastreamento de veículos


Se você gostou deste post, fale para nós!


Aviso Legal

As postagens do blog da Geotab visam fornecer informações e incentivar a discussão sobre tópicos de interesse para a comunidade de telemática em geral. A Geotab não está fornecendo consultoria técnica, profissional ou jurídica por meio destas postagens do blog. Embora todos os esforços tenham sido feitos para garantir que as postagens neste blog sejam oportunas e precisas, erros e omissões poderão ocorrer, e as informações aqui apresentadas poderão ficar desatualizadas com o passar do tempo.

Fique por dentro das novidades do setor e dicas da Geotab

Inscreva-se para receber nosso conteúdo mensal com dicas sobre gerenciamento de frotas e novidades do setor. Você pode se descadastrar a qualquer momento.